Home >> Cinema >> Oh Capitão, meu Capitão – O triste adeus a Robin Williams
Robin Williams

Oh Capitão, meu Capitão – O triste adeus a Robin Williams

33 Flares Twitter 4 Google+ 13 Facebook 16 Pin It Share 0 Email -- Filament.io 33 Flares ×

O mundo geek perdeu na semana passada, segunda-feira, dia 11, um grande ícone. Morreu aos 63 anos, supostamente por suicídio causado por depressão o ator, escritor, produtor e diretor Robin Williams.


 

Como dar adeus à Patch Adams, Fender, Dr Know, Alan Parrish, Sra. Doubtfire, Peter Pan, Adrian Cronauer, Popeye, o homem bicentenário, o Capitão, meu Capitão, enfim, ao Gênio, Robin Williams…


 

De atitude forte e as vezes controverso, Robin Willians falava o que lhe vinha à mente, uma de suas muitas qualidades. Cresci vendo filmes deste homem que tinha mil faces, que deu vida à personagens que permearão nossas vidas por muitos anos ainda. Ele foi robô, como Fender (Robôs) e como Andrew Martin (O Homem Bicentenário), mas deu humanidade à estes personagens, foi o Popeye de carne e osso (Popeye), foi o garoto Alan Parrish (Jumanji) perdido na selva por 26 anos, foi o icônico Adrian Cronauer (Bom dia Vietnã), foi a irreverente e apaixonante Sra. Doubtfire (Uma Babá Quase Perfeita), foi a voz do Dr. Know (Inteligência Articial), foi o eternamente jovem Peter Pan (Hook: A Volta do Capitão Gancho), e muitos, muitos outros, mas será sempre um Gênio (Aladdin). Levei algum tempo pra conseguir escrever este post, queria fazer algo especial, mais do que apenas noticiar a morte de um ídolo de muitos, de um pai fantástico (ele colocou o nome da própria filha de Zelda!!!) e de um ator acima da maioria. Por isso hoje trago a vocês o que Robin Williams deixou de melhor, personages magníficos! Confira a lista com o meu top 7 de Robin Williams (que lista difícil de fazer!).

Desta vez, não vou numerar a lista, vou apenas citar 7 filmes dele, até porque nem eu mesmo sei qual é meu favorito, são muitos, depende do meu humor, da época do ano, do clima, hehe… Robin era Foda!


 

Sociedade dos Poetas Mortos (1989)

Um dos filmes mais lembrados de Robin Williams, Sociedade dos Poetas Mortos é do final da década de 80.

Em Sociedade dos Poetas Mortos (Dead Poets Society), o ator interpreta o professor de literatura inglesa John Keating, que inspira seus alunos a amar poesia e aproveitar a vida. No elenco estão também Robert Sean Leonard e Ethan Hawke. O filme ganhou Oscar de melhor roteiro original e foi eternizado (entre outras coisas) pela frase “Oh Capitain, my Captain” (Oh Capitão, meu Capitão em português), declamada pelos alunos (que sobem em suas carteiras) ao professor Keating em sua despedida. Oh Capitain, my Captain é uma referência a um poema de Walt Whitman sobre a morte do presidente americano Abraham Lincoln.


 


 

Bom Dia Vietnã (1987)

Um dos primeiros filmes de sucesso de Robin Williams. Em Bom dia Vietnã ele interpreta um DJ pouco ortodoxo e irreverente (Adrian Cronauer) que vira de cabeça pra baixo a rotina de um batalhão, quando é designado para servir na estação de rádio do exército americano no Vietnã. Williams foi indicado ao Oscar de melhor ator com este papel. O filme baseia-se na história do verdadeiro Adrian Cronauer.


 


Robôs (2005)

Em Robôs, Robin Williams fez a voz do Fender (Manivela), que em português do Brasil foi dublado por André Mattos. No filme, um robô jovem e idealista (voz de Ewan McGregor/Reynaldo Gianecchini) tem o sonho de trabalhar para o Grande Soldador. Todo Geek já viu esse filme (se não viu, tem de ver!).


 


Insônia (2002)

Em Insônia, Robin Williams interpreta um terrível e metódico assassino (Walter Finch) que está sendo caçado pelo detetive Will Dormer (interpretado por Al Pacino). O suspense se passa em uma cidade ao norte do Alasca, num período em que o sol não se põe. Este é um dos poucos filmes de Willians fora do gênero de comédia, mas mesmo assim de uma interpretação fodástica!


 


O Homem Bicentenário (1999)

Em O Homem Bicentenário, o ator interpreta o androide Andrew Martin, que se esforça por se tonar cada vez mais humano, enquanto gradualmente adquire emoções. O filme foi indicado ao Oscar de melhor maquiagem e é, sem dúvidas, um título obrigatório pra todos os geeks!


 


 

Patch Adams – O Amor é Contagioso (1998)

Um filme que conquistou muitos fãs, Patch Adams, é baseado em livros e na vida real de um médico homônimo que, antes mesmo de fazer a faculdade, descobriu o dom de ajudar pacientes a se curarem com o bom humor. Enquanto faz o curso de medicina, ele precisa enfrentar preconceitos e desafios para provar a sua teoria. O filme foi indicado ao Oscar de melhor comédia.


 


 

Jumanji (1995)

Como falar de Robin Williams sem mencionar Jumanji? Clássico dos clássicos, filme obrigatório na coleção de todo geek que se preze, Jumanji é daqueles filmes pra ver e rever!

Um clássico filme para a família, Jumanji traz a jovem Kirsten Dunst como Judy Shepherd, uma das crianças que encontra um jogo tabuleiro mágico. Ao começarem a jogá-lo, ela e seu irmão libertam Alan Parrish (Robin Williams) que estava preso por décadas dentro do jogo, que é cheio de perigos. Eles somente se verão livres dessa maldição ao terminarem a partida.




 

Eu sei que a lista deveria ter só sete filmes, isso é muito difícil quando se trata de um talento como Robin Williams, então ainda vou citar aqui Amor Além da Vida e Gênio Indomável, pois acho esses dois muito fodas também…

 

Robin Williams era um geek de primeira, adorava jogar Zelda (já falei que ele batizou a filha de Zelda Williams né?) e World of Warcraft e a pedido dos fãs será homenageado nesses dois jogos (nada oficial ainda, mas a Nintendo e a Blizzard já se mostraram dispostas).

E aí, curtiu a lista? Tem algum filme que você não concorda estar no top 7? Tem algum que faltou em sua opinião? Deixe seu comentário e não esqueça aquele joinha!

33 Flares Twitter 4 Google+ 13 Facebook 16 Pin It Share 0 Email -- Filament.io 33 Flares ×
The following two tabs change content below.
Arameikos Klautzer
Sr Geek Supremo Fodão Pica das Galáxias; Libertador de Mordor e da Terra Média; Senhor Supremo da Antártida; Designer Gráfico em Formação, mas mesmo assim Foda! Degustador Supremo de Cervejas; Lindo, Charmoso, Inteligente e Humilde; Tricampeão do Prêmio Humildade é Tudo Nessa Vida

Como dar adeus à Patch Adams, Fender, Dr Know, Alan Parrish, Sra. Doubtfire, Peter Pan, Adrian Cronauer, Popeye, o homem bicentenário, o Capitão, oh meu Capitão, enfim, ao Gênio, Robin Williams…

Quantas estrelas você dá para esta Matéria?

Avaliação do Usuário: 4.88 ( 5 votes)
0